Tapira Teen - A Revista Digital de Tapira
Publicado em: 19/05/2010
Fosfertil investe no desenvolvimento de engenheiros
Untitled Document

O Programa de Desenvolvimento de Engenheiros 2009 da Fosfertil chega ao fim com a apresentação dos trabalhos desenvolvidos pelos sete participantes selecionados pela empresa em setembro do ano passado. Em evento interno realizado em maio, os engenheiros mostraram aos gestores, gerentes executivos e representantes do RH seus estudos de melhorias nos setores de atuação. Eles chegaram a essa etapa depois de deixarem para trás mais de 5 mil inscritos, e agora preenchem as vagas de engenheiros de minas, projetos, processos e de manutenção nas unidades da companhia situadas nos estados de Minas Gerais, São Paulo, Goiás e Paraná. Todos foram contratados como engenheiro júnior. A Fosfertil, maior produtora brasileira de matérias-primas para fertilizantes e uma das principais fornecedoras de insumos para indústrias químicas, tem por objetivo atrair e desenvolver profissionais no início de suas carreiras para que contribuam com a companhia com ações estratégicas, operacionais, de crescimento e inovação. "O foco do Programa de Desenvolvimento de Engenheiros é trabalhar o lado técnico e comportamental dos participantes. Empregados bem preparados trazem benefícios à empresa e aos profissionais", afirma Aguinaldo Alves Valdez, coordenador de desenvolvimento de pessoas da Fosfertil. No programa, cada profissional teve um cronograma de atividades, cujo objetivo principal foi orientar no processo de aprendizagem. Os participantes passaram pela etapa de integração, conhecendo os negócios da companhia e os procedimentos de suas respectivas áreas de atuação e cada um desenvolveu um projeto final para apontar possibilidades de melhorias. Tiveram também treinamento on the job (desenvolvimento prático sob a orientação de outro profissional) e passaram por avaliações mensais dos gestores. Felipe Di Stefano Pereira, participante do programa e engenheiro de projetos, em sua apresentação final, mostrou a importância da metodologia de gerenciamento do Plano de Execução de Projeto (PEP) em empreendimentos de grande porte, estudo que rendeu ao engenheiro uma posição na equipe do Projeto Salitre que, caso seja aprovado, será instalado em Patrocínio (MG). "Na Fosfertil é a primeira vez que essa metodologia é aplicada em projetos e, diferentemente de muitas empresas, que elaboram um PEP apenas para fins de auditoria, estamos efetivamente usando-o como um instrumento de gestão", diz Felipe. Para elaborar seu projeto final, Renato Schieber Santana, engenheiro de manutenção, estudou os relatórios de perdas de produção e chegou a mudanças no sistema de transporte de rocha, com o desenvolvimento de um filtro para as correias transportadoras do Complexo Industrial de Piaçaguera da Fosfertil, em Cubatão (SP). "O programa me permitiu uma visão mais ampla. Pude entender melhor a dinâmica das relações do setor de manutenção, no qual atuo, com as demais da companhia", conclui o mineiro que trocou Belo Horizonte pela Baixada Santista.

Untitled Document
Mais notícias sobre Empresas
Untitled Document